Ansiedade

Segundo o Psicosite, Ansiedade pode ser definida como um sentimento de apreensão desagradável, vago, acompanhado de sensações físicas como vazio (ou frio) no estômago (ou na espinha), opressão no peito, palpitações, transpiração, dor de cabeça, ou falta de ar, dentre várias outras. É parte dos mecanismos naturais de defesa e preparação (o famoso fuga ou luta) do ser humano. O problema é quando se torna patológico, frequente ou desproporcional.

Eu ontem tive um crise de ansiedade. Dei conta de todo o stash de chocolate da casa (e como chocólatra de plantão, eu sempre tenho um stash considerável de chocolate em cantos obscuros para momentos de necessidade… ), jantei, e ainda achei um resto de sorvete no freezer. Tudo comido compulsivamente em poucas horas enquanto o estômago não se decidia de doía de tão dilatado ou se simulava a dor de fome que a ansiedade produz. Quanto mais eu comia, mais eu PRECISAVA comer, como se fosse a única coisa capaz de aliviar o desconforto físico que eu estava sentindo.

Medi a pressão 3 ou 4 vezes. Eu podia jurar que meu coração estava saindo pela boca, mas não passou de 90. O que já era alto se formos considerar que eu estava literalmente deitada… Mas não era caso de tomar o remédio, então esperei a crise passar. E ela não queria passar.

A overdose de hormônio da tireóide circulante faz com que crises de ansiedade quase patológicas sejam frequentes e desproporcionais ao evento gerador. Um evento pode ser sério e capaz de gerar a ansiedade normal para preparar o corpo para a ação e passar quase desapercebido. Outro, insignificante, desperta a ansiedade com violência assustadora. Não há critério.

O que fazer então quando ela vem? Usar medicamentos do tipo antiansiolíticos? Eu já falei aqui que tenho problemas com essas coisas. E muitos. Respeito a decisão de tomá-los, mas acho que ela seja de foro íntimo. Pra mim, parece band-aid. Esconde a ferida, mas ela ainda está lá. E com crises frequentes é pra tomar remédio frequentemente? Entendem o problema? E se não for suficiente? E se eu ficar ansiosa por estar tomando remédio pra ansiedade? Nah… solução 1 descartada.

Meditar? Hum… o pré-requisito para entrar em estado de meditação não implica ser capaz de relaxar? Se eu estou tudo, menos relaxada, como diabos vou meditar? É capaz deu socar o travesseiro, xingar a sogra, assassinar o primeiro que passar na minha frente antes de conseguir atingir esse estado zen de relaxamento. Até porque nas poucas vezes que eu acho que estou QUASE lá, a realidade me puxa feito imã…

Sentar e esperar passar? Ineficiente, mas tem sido a tática. E antes de melhorar, a coisa piora. Depois passa, pra me encontrar de novo na próxima esquina, no próximo contra-tempo, no próximo pico de T4, ou sabe deus quando.

E o pior é que ao reclamar disso só há 2 coisas que eu posso ouvir de feedback:
1) Toma um remédinho que passa.
2) Você está muito nervosa. Fica calma!

Então deixa quieto e fica só de desabafo mesmo. Não vou tomar um remédinho e não vou ficar calma só porque quero ficar. Durmam com um barulho desses, porque eu já não durmo mesmo, então não faz a menor diferença.

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Depressa demais com as etiquetas , , , . ligação permanente.

10 respostas a Ansiedade

  1. Maria Aparecida Nogueira de Paula diz:

    Olá Adriana!

    Olha moça, descobri seu blog pesquisando no site de busca (você já mencionou em outros post`s e acabei lendo vários) sobre doença de graves e hipertiroidismo. Idenfiquei-me logo com você. Foi realmente gratificante para mim saber muito a respeito dessa doença que nos deixa desnorteadas. Muito obrigada! ajudou-me demais!
    Volto outro dia, ok?
    Um abraço,
    Maria Aparecida.

    • Bem vinda, Maria Aparecida.

      Exatamente por conta de nos deixar desnorteadas, é que é tão importante saber mais a respeito e mais ainda, poder conversar com outras pessoas que passam pela mesma coisa que nós. Então não só espero que meus posts e nossos comentários lhe ajudem como quero que saiba que sua presença e comentários também nos ajudam. Saber que ao menos não estamos sozinhas faz uma baita diferença!

      Abraços!

  2. Mariana moura diz:

    Olá,
    Também sinto estes sintomas e sempre acho que não vou sobreviver!!!
    Mas no outro dia aki estou, estou aprendendo a viver com estas crises.
    Espero que vc tb se de bem.
    Vc não está sozinha tem outras pessoas que sentem as mesmas coisas.
    boa sorte

    • Ola Mariana,

      obrigada pelo apoio. As crises estão menos frequentes, não sei porque minha tireóide está mais equilibrada, ou se porque peguei o ansiolítico e deixei na gaveta. Não o tomei, nem unzinho sequer, mas saber que ele está lá e que se não tiver jeito vou ter que tomar, meio que me acalma. Ou quando sinto a ansiedade chegando, consigo controlar só de medo de ter que tomar o remédio… De qualquer forma, não tenho tido muitas crises feias de ansiedade… de vez em quando ela vem, mas acho que eu já percebo ela querendo chegar e tento me reservar ao máximo, ficar quieta, nem falar… aí meio que passa.

      Sorte pra você também! É uma luta não ser capaz de controlar o próprio corpo, mas uma hora a gente vence! 🙂

  3. jane diz:

    Oi Dri,
    No começo lembro que não tinha apetite, agora sinto vontade de comer que nem louca mesmo tomando tapazol 10 mg de manhã e 5 mg de noite. tenho médico dia 23/12 e te conto, até mais.

    • Então, normal! Tanto a fome como a ansiedade são sintomas da hiper. Junta as duas e é um prejuizo na geladeira e dispensa que não tem tamanho! Tentar escolher opções saudáveis (fibras são a melhor opção, pq viram energia com mais facilidade do que viram gordura acumulada) é o melhor caminho, mas não adianta achar que é só ansiedade e não comer, porque ser for o corpo pedindo (fome) e você não comer, ele vai roubar nutrientes dos cabelos, unhas e músculos, além de queimar suas reservas (o que parece bom mas não é… o emagrecimento da hiper é esquisito, você parece que murcha!) e o resultado é péssimo! 🙂

      Depois conta como foi no médico.

      ***

      Alias, pras leitoras antigas, juro, dessa fez faço os exames que estou devendo tem meses!!!!! Se nada der errado, faço na 5a feira! É que eram muitos e eu estava muito sem grana mesmo. Ainda estou, mas já protelei demais e ando preocupada com meu fígado. Ai quando sair os resultados, eu conto.

  4. maristella diz:

    boa tarde,estou sofrendo de ansiedade meu caso é muito mais cabuloso do que de vcs,pois fico tonta preste a desmaiar fico com vertigem,mal star generalizado estranho msm e vejo uma luz no canto do olho meu coração acelera tenho enjous ,formigamento ,dormencia,dor de cabeça forte.palpitação no coração seni doressssss fortes no estomago,e fiz o eletrocardiograma e n deu nada e o eco mas n tenho nada no coração e meu cardiologista me disse que era ansiedade,pois sou muito nervosa por causa do ambiente que eu vivo e realmente n sei o que será de mim,as vezes acho que vou morrer ou as vezes queria que isso aconteçesse pra eu n me ver nessse leito de morte.se alguém ver esse meu depoimento por favor converse comigo me de uns conselhos meu email é maristella00@bol.com.br
    por favor me ajudemmm/!!!!!!!!!!!!!!!
    n tenho mais ninguém ao meu lado me sinto solitaria
    bjs!!!!e saúde para todos
    ahhh mas um detalhe me assustava com facilidade e tinha transtorno no sono…
    e até vezes pesadelo…

  5. maristella diz:

    ahh e mais um detalhe que eu soube pesquisando que a tireoide tb tem o mesmo sintoma que ansiedade?!
    é verdade me ajudemmmmm
    pois nasceu um caroso atráz da minha orelha e eu estou extremamente assustada com isso;;;

    • Maristela,

      1a coisa: vai no médico (pode ser um clínico ou vá direto em um endocrinologista) e pede um exame de TSH e T4 livre. Se ele disser algo como “você não tem nada, é só ansiedade” você responde “ótimo, então fazer o exame não vai ter diferença alguma, só me acalmar”. E faça os exames…

      Muitos dos sintomas que você relata são TIPICOS de hipertireoidismo, que, entre outras coisas, causa ansiedade, nervoso, irritação, taquicardia, falta de ar, formigamento, etc…

      Se não for tireóide (espere descartar isso com os exames), seu quadro lembra a síndrome do pânico. Peça pro clínico uma indicação pro psiquiatra. Não, você não está louca, não há demérito nenhum ou nenhum juizo de valor, é uma doença, como qualquer outra, que precisa ser tratada, como todas as outras e o médico que trata isso é o psiquiatra. Há medicamentos e terapias específicas pra síndrome do pânico que vão te devolver o controle sobre sua vida.

      Seja isso, aquilo, ou outra coisa (investigue até descobrir a causa do seu problema), é preciso que você se mova, enfrente, corra atrás de descobrir o que é e como se trata, e levar o tratamento a sério, por mais chato ou lento ou ambos que ele seja!

      Se entregar ao que você está sentindo é mais fácil, porém muito mais doloroso.

      Eu tenho plena consciência da intensidade desses sentimentos e sensações, e de como tudo parece muito maior do que a gente. Justo por isso, é preciso que a gente QUEIRA melhorar, e corra atrás de soluções. Quando a gente faz isso, parece até mágica, mas a gente já começa a melhorar. É o re-ganhar do controle sobre nossas vidas, entender que estamos doentes e precisamos nos tratar. Entender que toda essa avalanche de sensações são da doença (qualquer que seja ela) e nós somos MAIS do que a doença. Podemos mais, queremos mais, e conseguiremos mais. Entende?

      Não sossegue até alguém te dizer exatamente o que você tem e como resolver. NEm que seja “””Só””” ansiedade mesmo, em um caso mais grave, e aí , conversar com um psicólogo (ou mesmo o psiquiatra) vai te ajudar a entender as causas dessa ansiedade e como ter controle sobre o ambiente em que você vive de forma a não se sentir assim.

      Te desejo muita sorte, e qualquer coisa estamos por aqui.

  6. Thanks for the auspicious writeup. It if truth be told used
    to be a entertainment account it. Look complex to more introduced agreeable from you!
    By the way, how could we be in contact?

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s